Guia completo de sustentabilidade na era de TI

18 minutos para ler

O conceito de sustentabilidade envolve várias práticas e iniciativas voltadas à preservação do meio ambiente, proteção à comunidade, promoção da eficiência energética e comportamento responsável em relação aos recursos naturais. Ações sustentáveis são adotadas por empresas de qualquer segmento, inclusive na área de Tecnologia da Informação (TI). Você sabe como praticar a sustentabilidade na era de TI?

Sustentabilidade é um conjunto de práticas que evitam desperdícios e promovem melhor aproveitamento dos recursos naturais. Ações como economia de água e de energia elétrica, aumento da eficiência energética, descarte responsável e reciclagem de resíduos contribuem para que a empresa esteja inserida dentro do conceito.

Na área de gestão de TI, a sustentabilidade envolve diversas ações. O aumento de eficiência dos componentes de computadores e outros equipamentos eletrônicos, o uso de energia renovável (como a solar) nos processos de fabricação e o melhor gerenciamento de recursos contribuem para que a empresa seja reconhecida como sustentável.

A sustentabilidade na área de TI é importante do ponto de vista econômico, já que o melhor aproveitamento dos recursos gera redução de despesas e, também, rende uma imagem positiva para a empresa.

Continue a leitura de nosso artigo e entenda de que maneira a adoção de uma política de sustentabilidade traz benefícios para o setor e para a presença de sua empresa no mercado.

Entenda a importância da sustentabilidade na área de TI

Investir em sustentabilidade é importante para empresas de qualquer área de atuação. A sustentabilidade, hoje, não é mais uma opção, mas, sim, uma necessidade. Afinal, os recursos naturais são finitos e um dos pilares do conceito é a necessidade de preservação do planeta para as gerações futuras.

O aquecimento global, o risco de comprometimento da saúde das pessoas em função da emissão de gases poluentes e a possibilidade de extinção de espécies da fauna e flora são preocupações concretas que precisam ser consideradas por todos. Empresas sérias que atuam com responsabilidade precisam ter essa consciência e adotar processos e práticas sustentáveis.

Na área de TI, a sustentabilidade deve ser praticada de três maneiras:

  • adotando ações que visam a preservação de recursos, como economia de água e de energia, uso de fontes de energia alternativa, conscientização dos funcionários, descarte adequado de resíduos, entre outras;

  • produzindo itens e componentes com maior eficiência, que demandem menor consumo de energia elétrica durante o uso e com boa qualidade, evitando substituições desnecessárias;

  • responsabilizando-se pela coleta e descarte adequado de peças e produtos, de acordo com as premissas da Política Nacional de Resíduos Sólidos, que determina que os fabricantes e revendedores precisam se responsabilizar pelo descarte dos produtos.

Promova a conscientização de sua equipe

Se você atua na área de TI, seja como fabricante ou empresa parceira fornecedora de soluções para o setor, é importante conscientizar a equipe de colaboradores para a necessidade de adoção de práticas sustentáveis.

Essa estratégia fará não só com que sua empresa consiga atingir as metas sustentáveis estabelecidas, mas também promoverá a redução de custos, favorecendo os bons resultados de seu negócio.

Confira algumas táticas para promover a sustentabilidade no seu empreendimento e conseguir a colaboração de seus funcionários para atingir os objetivos:

  • oriente a equipe sobre a importância de preservar recursos naturais, como água e energia elétrica. Como complemento, instale sensores de presença e acionamento automático (no caso de torneiras), para evitar desperdício;

  • substitua lâmpadas tradicionais por LEDs, mais econômicas, e sempre que possível privilegie a iluminação natural. Da mesma forma, substitua monitores convencionais por suas versões de LCD;

  • faça a manutenção correta de equipamentos, como ar-condicionado, geladeiras e freezers, para evitar desperdício de energia, e oriente sua equipe a realizar os mesmos procedimentos em suas residências;

  • ao comprar um novo equipamento, seja para instalação em seu local ou para revenda, observe se ele consome pouca energia e se o fornecedor também tem o compromisso com práticas responsáveis e ambientalmente corretas;

  • considere investir em um sistema de energia solar para gerar energia elétrica;

  • adote estratégias para mostrar a importância da preservação de recursos. Incentive os funcionários que residem próximo à empresa a irem para o trabalho caminhando ou de bicicleta, sugira compartilhamento de caronas, promova oficinas de reciclagem e oriente sobre a necessidade de descarte adequado de resíduos;

  • se sua empresa fabrica ou revende produtos que geram resíduos, como peças e componentes de computadores e outros produtos de TI, adote a logística reversa. Ou seja, responsabilize-se pelo descarte dos resíduos.

Descubra como funciona a sustentabilidade na era de TI

Empresas que atuam na área de Tecnologia da Informação, como fabricantes ou fornecedores, ou mesmo as que têm um departamento interno de TI, devem ficar atentas às práticas responsáveis e investir na chamada TI Verde.

Isso é importante porque, nesse segmento, a evolução tecnológica tem sido muito rápida, fazendo com que equipamentos e produtos se tornem obsoletos em curto espaço de tempo.

O que fazer com computadores, celulares e outros componentes que são substituídos pelos consumidores que buscam novas tecnologias? A primeira coisa a se preocupar é com o descarte adequado, já que os produtos eletrônicos geram contaminação pela decomposição de metais (principalmente chumbo e cobre).

A logística reversa estabelece que o equipamento fará o caminho inverso, do consumidor ao fabricante, passando pela revenda, e o último elo tem a obrigação de promover o descarte ambientalmente correto. Ao substituir os equipamentos, é importante escolher outros modelos com consumo mais eficiente.

Muitas empresas estão investindo em tecnologias que permitem o armazenamento de dados em nuvem, reduzindo, com isso, a necessidade de hardwares físicos em seu ambiente. Por consequência, também são reduzidos custos de manutenção, licenças de softwares, entre outros, o que também é uma prática sustentável.

O departamento interno de TI das empresas também tem a responsabilidade de calcular e reportar todas as compras efetuadas por outros setores. Esse banco de dados permite identificar excessos e planejar novas aquisições dentro de parâmetros sustentáveis.

Reduzir o chamado lixo eletrônico é uma necessidade para as corporações, sendo assim, sustentabilidade na era de TI deve ser aplicada com inteligência e planejamento.

Lembre-se de que a TI Verde não se limita à fabricação de equipamentos ecologicamente corretos, o conceito é muito mais amplo e envolve uma série de práticas e atitudes por parte dos gestores e de suas equipes.

Dicas para promover a sustentabilidade na era de TI

A gestão corporativa sustentável, além de importante do ponto de vista ambiental, é um diferencial competitivo, porque gera economia e promove a imagem da empresa.

Fique atento às práticas sustentáveis e confira 10 dicas para implementar a sustentabilidade em seu negócio.

Reduza, reutilize, recicle

Os famosos “3 Rs” da sustentabilidade (reduza, reutilize e recicle) devem ser aplicados em qualquer corporação, independentemente de sua área de atuação ou porte. Todas as empresas precisam ficar atentas, evitando o desperdício.

Assim, promova a cultura de responsabilidade relativa ao consumo de recursos naturais e materiais. Água, luz, energia elétrica e outros insumos utilizados na empresa (papel, embalagens, copos plásticos e outros materiais descartáveis) devem ser utilizados sem desperdícios.

Itens cuja reutilização é possível, como clips, pastas e caixas devem ser guardados para novo uso. Todos os materiais recicláveis (plásticos, papelão, papel, embalagens diversas, vidro, entre outros) devem ser destinados corretamente.

No caso de peças e componentes de equipamentos eletrônicos, tome as devidas precauções para descarte adequado ou encaminhe para o programa de coleta e destinação do fabricante.

Prefira equipamentos mais eficientes

Procure adquirir equipamentos eletrônicos e elétricos que tenham maior eficiência energética, evitando o desperdício de eletricidade. Mas fique atento ao descarte dos aparelhos mais antigos ao fazer a substituição.

Da mesma forma, invista em soluções que permitam a economia de recursos naturais, como lâmpadas mais econômicas, monitores de LCD, acionamento automático de torneiras e sensores de presença para iluminação.

Se sua empresa tem alto consumo de água, considere investir em um sistema para captação da água de chuva.

Dimensione adequadamente os equipamentos e computadores

Sua empresa não precisa de tantos equipamentos (hardware). O dimensionamento adequado evita a compra de itens desnecessários e, consequentemente, reduz a quantidade de produtos que no futuro serão descartados.

Hoje, as tecnologias que permitem o armazenamento de dados em nuvem evitam o excesso de equipamentos nas empresas e, ainda, simplificam a gestão de informações. Além disso, o armazenamento em nuvem dispensa a necessidade de servidores, máquinas de refrigeração, switches e espaço físico para acomodá-los.

Reduza o tempo dos computadores ligados à rede elétrica

Conforme um estudo do Instituto Akatu, um computador ligado à rede elétrica uma hora por dia consome cerca de 5kwh/mês. Além disso, em um ano o equipamento emite 18 kg de dióxido de carbono (CO²) no ambiente. Por isso, se não estiver utilizando o computador, evite deixá-lo ligado.

Use fontes alternativas de energia

A energia solar fotovoltaica já é um investimento acessível para as empresas. Existem linhas específicas de financiamento e, em geral, o custo para aquisição dos painéis e geradores de energia solar se paga em cerca de 5 anos, com a perspectiva de economia na conta de energia elétrica.

Inclusive, existem outras soluções, como o painel solar ondulado, que permitem o monitoramento, em tempo real, da geração, economia e sustentabilidade do sistema. Também vale a pena investir em componentes mais enxutos que organizam a fonte de energia, como o String Box.

Além de reduzir custos com o uso de energia solar, a tecnologia garante outras vantagens, como o fato da empresa ter autonomia energética e não depender das distribuidoras.

Isso é interessante porque o consumidor que utiliza energia solar não fica sujeito às variações tarifárias e exposto às intermitências e falhas no sistema, que acarretam perdas de dados e outros problemas.

Além dessas vantagens, a energia solar não emite gases poluentes, não provoca ruídos e está disponível no país inteiro, precisando apenas de luminosidade como insumo.

Evite deslocamentos desnecessários

Além de economizar com passagens aéreas ou combustíveis, a adoção de novos formatos para reuniões de negócios, treinamento e entrevistas (como videoconferência) contribui para a otimização do seu tempo. Para isso, basta ter um equipamento conectado à internet.

Nesse caso, a tecnologia funciona para você ganhar tempo, evitar despesas e, até mesmo, reduzir as emissões poluentes na atmosfera, uma vez que não haverá consumo de combustíveis para o deslocamento.

Não imprima sem necessidade

Um dos benefícios da tecnologia é a possibilidade de guardar documentos em meios virtuais, reduzindo o espaço de armazenamento e também o desperdício de papel, tinta e energia para impressão.

Utilize outros meios para comunicação interna e externa: e-mail, intranet e aplicativos de mensagens são eficientes para a maior parte dos comunicados.

Da mesma forma, opte por quitar boletos de forma virtual, lembrando que não há necessidade de impressão de comprovantes, a menos em casos muito específicos.

Relatórios, estudos, notícias e comunicados permitem a conferência de forma virtual. Estimule essa cultura em sua empresa e junto aos seus funcionários.

Apenas alguns documentos específicos devem ser impressos, quando necessário (caso de certidões que necessitam autenticação ou assinaturas). Faça essa triagem e reduza o consumo de papel e de tinta em seu negócio, além de garantir mais espaço e organização nos arquivos físicos.

Envolva a comunidade nas ações sustentáveis

Ao adotar práticas sustentáveis, sua empresa conquista o reconhecimento do público interno (funcionários) e externo (comunidade e clientes).

Para conseguir envolver essas pessoas nas ações sustentáveis, é primordial demonstrar a preocupação da empresa com as práticas responsáveis.

Oriente seus funcionários sobre a importância da preservação do meio ambiente e dos recursos naturais, promova ações que envolvam a comunidade e procure obter certificações que comprovem que sua marca é comprometida com a sustentabilidade.

Da mesma forma, organize palestras ou workshops sobre o tema, voltadas aos seus parceiros comerciais. Com isso, você comunica a postura responsável de sua marca e ainda contribui para o esclarecimento de outros empreendedores.

Procure obter certificações que comprovem as práticas da empresa. Além do Selo Procel, que indica que os equipamentos eletrônicos e eletrodomésticos consomem menos energia, existe também a certificação ISO 14.001, que atesta que a organização adota práticas para o desempenho ambiental correto.

Para obter o certificado, a empresa deve seguir alguns requisitos, como o estabelecimento de práticas sustentáveis, a documentação de tais ações e o compromisso com a melhoria contínua.

Prefira fornecedores que apoiam a mesma causa

Ao selecionar novos parceiros comerciais, dê uma atenção especial à questão da sustentabilidade. Observe se os equipamentos fornecidos promovem a eficiência energética e avalie outras práticas da empresa, como o uso de fontes alternativas de energia, destinação correta de resíduos, programa de logística reversa, entre outros.

Optando por efetivar parcerias com empresas ambiental e socialmente responsáveis, você contribui para a criação de uma cadeia comercial com valores baseados na sustentabilidade, conquistando benefícios para todo o setor.

Estimule a logística reversa

Se sua empresa fornece produtos ou equipamentos que demandam um tipo de descarte específico, como no caso de itens eletrônicos, adote o compromisso de promover a logística reversa.

Incentive seus funcionários e consumidores a retornarem para sua empresa os produtos a serem descartados, e os destine conforme as determinações da Política Nacional de Resíduos Sólidos.

Aproveite e implante um sistema de coleta seletiva, incentivando sua equipe a reduzir o consumo de alguns materiais. Crie uma área específica para coleta de pilhas e baterias e destine-as aos fabricantes para o descarte adequado.

Os benefícios da sustentabilidade na era de TI para os negócios

Apostar em práticas corretas e sustentáveis rende vários benefícios corporativos:

  • economia;

  • maior comprometimento da equipe;

  • melhoria da imagem institucional;

  • maior segurança dos dados.

É importante conhecer as vantagens da sustentabilidade e entender como algumas práticas ajudam sua empresa e seus clientes a crescerem de forma responsável e eficiente. Além de adotar ações sustentáveis, você transmite aos seus parceiros comerciais os princípios da sustentabilidade, criando uma cadeia de consumo consciente e em sintonia com o planeta.

Maior economia

A economia, tanto de recursos naturais quanto financeira, é o principal benefício da sustentabilidade. Ao adotar práticas responsáveis, o consumo de recursos naturais é reduzido, gerando economia para os cofres da empresa.

Os equipamentos de TI respondem por um consumo significativo de energia elétrica do empreendimento. Além deles, a eletricidade é necessária para iluminação, sistemas de ar-condicionado, água aquecida e, até mesmo, eletrodomésticos presentes nos refeitórios das empresas.

Investir em um sistema de energia fotovoltaica é uma alternativa para reduzir a dependência da eletricidade e o elevado custo. Embora o investimento inicial ainda seja uma barreira para algumas empresas, é importante destacar que ele se paga em um período relativamente curto de tempo (cerca de 5 anos), enquanto a vida útil do sistema chega a 25 anos.

Além disso, a necessidade de manutenção é baixa. Uma das grandes vantagens da tecnologia é que existem várias linhas de crédito disponíveis e o retorno acontece bem antes do fim do financiamento.

Com a popularização da tecnologia, a tendência é de queda nos preços, tornando ainda mais atrativa a instalação de um sistema de energia fotovoltaica.

A economia de recursos também leva à redução de despesas em outras áreas do empreendimento. É importante conscientizar a equipe sobre a importância de reduzir o consumo de água e de insumos para o trabalho (como papel para impressão) e promover a reciclagem de materiais que possam ser reutilizados (como pastas, clipes e embalagens, entre outros).

Comprometimento da equipe

O investimento em práticas sustentáveis também gera credibilidade para a empresa, e isso se reflete no maior comprometimento da equipe. Afinal, os funcionários se sentem motivados com a percepção de que trabalham para uma empresa social e ambientalmente responsável.

Porém, fique atento: não basta dizer que é sustentável, é essencial demonstrar isso por meio de ações que comprovem as práticas responsáveis.

Assim, vale envolver sua equipe em projetos voltados à preservação de recursos naturais, oferecer treinamento para que possam replicar as práticas responsáveis, promover oficinas e workshops para troca de experiências e participar de campanhas que tenham como objetivo a responsabilidade social e ambiental.

O mesmo vale para seus fornecedores e parceiros comerciais. Ter uma certificação que ateste a sustentabilidade da empresa é muito bom, mas demonstrar isso com ações práticas e pontuais é melhor ainda.

Conquiste maior credibilidade ao mostrar para sua rede de relacionamentos comerciais que sua empresa acredita na sustentabilidade e coloca os preceitos do conceito em prática.

Promoção da imagem institucional

O reconhecimento pela atuação responsável é primordial para que a empresa conquiste uma boa imagem perante seu público. Com isso, a marca e seus produtos ganham mais credibilidade e conquistam a preferência dos clientes.

Ser uma empresa sustentável é um importante diferencial competitivo. Cada vez mais, empresas, instituições e até consumidores individuais levam a sustentabilidade em consideração no momento de decisão de compras.

Adotar essa postura e alinhar sua atuação e seus produtos às práticas sustentáveis é uma forma de se destacar perante a concorrência e atingir seu público de maneira mais eficiente.

Informações seguras

Esse é um dos pontos mais sensíveis na operação de empresas que atuam na área de TI. Com o armazenamento de dados em nuvem, além da economia com equipamentos e com o espaço necessário para acomodá-los, as informações ficam salvas e em segurança.

O sistema permite o acesso aos dados de qualquer lugar e em qualquer horário. As informações ficam seguras em data centers dos provedores de nuvem, armazenadas de forma criptografada e protegidas por senha.

Normalmente, os dados são salvos em partes, e cada uma delas ficam em um servidor, o que reduz significativamente o risco de invasão ou perda de registros. Todas as informações ficam protegidas, sob contrato de confidencialidade.

Os provedores costumam ainda fornecer relatórios de auditorias independentes para confirmar a segurança. O armazenamento em nuvem garante proteção contra perdas ou invasões, organização e disponibilidade das informações, além de redução de custos com hardwares e softwares.

É uma das principais tendências no setor de TI, resolvendo de uma só vez problemas como espaço necessário para acomodar servidores e sistema de refrigeração, necessidade de investimentos em equipamentos e segurança.

Além disso, o armazenamento virtual permite a ampliação da base de dados sempre que necessário, sem a necessidade de investimentos em infraestrutura física (ampliação de espaço) ou equipamentos.

Apostar na sustentabilidade é um importante diferencial para as empresas. Corporações que não valorizam o tema ficam em desvantagem econômica, uma vez que seu custo de operação se torna muito maior. Além disso, perdem clientes para empresas sustentáveis que demonstram ter os mesmos valores de seus consumidores.

Por esse motivo, é importante desde já adotar práticas responsáveis e comprometidas com o meio ambiente e o entorno. A sustentabilidade na era de TI tem muitas nuances que, se bem trabalhadas pela empresa, se transformam em um diferencial competitivo e em uma maneira de conquistar a confiabilidade do mercado.

Quer conhecer mais soluções sustentáveis e receber informações exclusivas para se destacar no setor de TI? Então assine nossa newsletter e fique por dentro de todas as tendências do setor.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-